Como uma doença crônica multifacetada, a demência prejudica as funções cognitivas, como a memória, a linguagem e as funções executivas necessárias para planejar, organizar e priorizar as tarefas. Posteriormente, indivíduos com demência, independentemente da forma ou estágio da doença, têm dificuldades em processar estímulos, manter o foco e interagir com seus ambientes físicos e sociais. Muitas vezes, pessoas com demência experimentam isolamento social e uma progressiva perda de autonomia.

No entanto, a Realidade Virtual (VR) pode ajudar:

  • Projetando imagens que tragam memórias e emoções positivas
  • Distraindo o paciente do tédio e reduzindo o comportamento repetitivo
  • Reduzindo drasticamente o isolamento e aumentando a socialização
  • Fornecendo alegria e diversão para pessoas com mobilidade limitada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *